Ordenação diaconal do seminarista Delphinus

(Last Updated On: 16/01/2023)

Dia 8 de dezembro, Solenidade da Imaculada Conceição, o seminarista Delphinus é ordenado diácono na Sé Catedral do Porto.

 

Delphinus Fulgence Kalatunga, missionário da Consolata (IMC), vai ser ordenado diácono no próximo dia 8 de dezembro, solenidade da Imaculada Conceição da Virgem Santa Maria. Aos 32 anos, Delphinus vai receber o diaconado por imposição das mãos de D. Manuel Linda, bispo do Porto, às 16h00, na Sé Catedral do Porto.
Após a celebração da ordenação diaconal, na Sé do Porto, a festa continua na Comunidade dos Missionários da Consolata, em Águas Santas, no município da Maia (a participação neste segundo momento é com inscrição previa; ver contactos no cartaz da ordenação diaconal).

 

Breve perfil
Nascido em 1989, em Dar-es-Salaam, na Tanzânia, Delphinus sentiu o apelo da missão, segundo o carisma de Allamano e da Consolata, e ingressou no IMC, iniciando assim o percurso formativo que o levaria, aos 25 anos de idade, para o Quénia, onde fez o Noviciado, um período de um ano de discernimento, conhecimento do carisma, espiritualidade e constituições do IMC. Um ano que concluiu com a Profissão dos votos temporários de pobreza, castidade e obediência.
Terminado o noviciado, em 2015 Delphinus veio para Portugal, tendo sido destinado ao Centro Apostólico Formativo (CAF), no Centro Missionário Padre Paulino, dos Missionários da Consolata, no Cacém. A partir daí completou os estudos teológicos na Faculdade de Teologia da Universidade Católica de Lisboa. Encontra-se agora, desde há uns meses, na comunidade da Consolata em Águas Santas, Porto.
Como lema para o seu diaconado, Delphinus escolheu um versículo retirado da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios: “Pela graça de Deus, sou o que sou e a graça que me foi concedida não foi estéril” (I Cor 15,10).

EnglishFrenchGermanItalianPortugueseSpanish