EnglishFrenchGermanItalianPortugueseSpanish

“É necessário abrir-se à novidade da missão com criatividade e inovação”

Representantes de grupos missionários a nível nacional estiveram reunidos em Fátima para “programar a missão para o próximo ano pastoral”. O encontro contou com a participação de Armando Esteves Domingues, bispo-auxiliar no Porto

A Assembleia Anual dos Animadores dos Institutos Missionários Ad Gentes (ANIMAG) decorreu no anfiteatro dos Missionários da Consolata, em Fátima, no final da última semana. Segundo os organizadores do encontro, este reuniu “88 participantes”, e foi uma ocasião para “refletir, avaliar e programar a missão para o próximo ano pastoral”. A iniciativa decorreu com o tema “Missão: A Igreja a fazer-se…”, que foi também o mote para uma conferência, proferida por Armando Esteves Domingues, bispo-auxiliar no Porto. De acordo com os promotores da iniciativa, o prelado debruçou a “atenção sobre a necessidade de uma profunda conversão pastoral”, que “tem que abranger todos os níveis”, e que “é possível com uma renovada abertura à missão”. “É preciso saber escutar e estar atento às necessidades do ‘hoje da missão’. É necessário ousar! Abrir-se à novidade da missão com criatividade e inovação”, apelou o bispo.

A Assembleia Anual ANIMAG foi realizada em conjunto com os membros dos Institutos Missionários Ad Gentes (IMAG), com os diretores diocesanos das Obras Missionárias Pontifícias (OMP), e contou com a presença de representantes dos grupos missionários a nível nacional. O programa do dia contemplou vários momentos, entre eles a Eucaristia, presidida pelo bispo-auxiliar no Porto. Destaque para o momento de ação de graças da celebração, que “contou com uma dança que exprime o louvor de todos os povos a Deus”. Os organizadores do encontro que decorreu no passado dia 4 de novembro manifestam o seu agradecimento a Armando Esteves Domingues pela “sua presença e a sua inspiração”, e agradecem a todos os missionários o seu “testemunho de alegria e plenitude”. “Continuamos a caminhar, lado a lado, na missão de sermos Igreja a fazer-se”, afirmam.

Os Animadores dos Institutos Missionários Ad Gentes (ANIMAG) contam agora com “uma nova direção nacional eleita por três anos”, a qual foi nomeada no decorrer deste dia. A nova direção “abraça a missão de apoiar as quatro zonas dos ANIMAG em Portugal e incentivar as diversas iniciativas nacionais de formação e dinamização missionárias”, explicam. A nova direção dos ANIMAG passa a ter como presidente o padre Igor Oliveira, dos Missionário Dehonianos, como vice-presidente, a irmã Luciana Rodrigues, da congregação Escravas da Santíssima Eucaristia e da Mãe de Deus, como secretária a irmã Adelaide Gonçalves, das irmãs de São José de Cluny, e como tesoureiro o padre Hugo Ventura, dos Missionários do Espírito Santo. Os organizadores do encontro agradecem a estes “missionários por acolherem esta missão tão bela de serem rosto da missão dos ANIMAG”, e desejam-lhes votos de uma “boa missão”.