EnglishFrenchGermanItalianPortugueseSpanish

Assembleia Intercapitular divulga mensagem final

Encontro com a participação da Direção Geral, os superiores das 14 circunscrições, o administrador Geral e convidados, aconteceu entre os dias 8 e 13 de março pela plataforma Zoom

Formação e continentalidade (organização) foram os temas centrais da Consulta intercapitular que refletiu também sobre economia, comunicação, Justiça, Paz e Integridade da Criação, o Diretório da Direção Geral e o Código Deontológico, e a preparação do próximo Capítulo Geral em 2023.

O resultado do trabalho realizado, reflexões e propostas, estão agora com a Direção Geral que continuará o processo de discernimento e fará os encaminhamentos necessários. No final do Encontro, os 26 participantes divulgaram uma mensagem a todo o Instituto.

A nota começa recordando que na mesma semana da Assembleia intercapitular, na Amazônia, a Diocese de Roraima realizou o Tribunal para a Causa dos Santos para a verificação da cura milagrosa de Sorino Yanomami, atribuída à intercessão ao nosso Beato Fundador. “Um sinal do carisma de José Allamano para alcançar, com a consolação de Deus aqueles que estão longe”.

Formação dos jovens missionários
“O nosso carisma e a missão ad gentes foram o coração do nosso encontro. Nos esforçamos por compreender como ajudar os nossos jovens em formação a abraçar melhor o carisma do nosso Instituto, de alcançar os pobres e os que se encontram nas periferias. Lançamos algumas propostas que, acreditamos, nos podem ajudar. Acima de tudo, confiamos em vós, jovens missionários. Convidamos-vos a serem a esperança do mundo de hoje”, diz um trecho da mensagem divulgada neste domingo, 14 de março.

A continentalidade
O documento destaca que “o espírito de continentalidade e o caminho até agora realizado a este respeito é de grande ajuda para todos nós. No mundo de hoje só seremos verdadeiramente credíveis se amamos sinceramente as pessoas com as quais trabalhamos e se vivemos para elas. No entanto, temos de lhes oferecer um serviço qualificado. Serão feitos todos os esforços para qualificar a nossa missão com estudos especializados”.

Diante dos desafios mundo globalizado, a Consulta destacou a importância da comunicação e da Justiça, Paz e Integridade da Criação (JPIC) na formação dos jovens e na missão. Nesse sentido a mensagem reafirma que “defender e trabalhar pela justiça, paz e integridade da criação é um elemento essencial da evangelização. Esforçamo-nos por assegurar que a nossa formação, a nossa espiritualidade e as nossas vidas estejam impregnadas deste espírito”.

Por fim, manifesta solidariedade com algumas situações difíceis vividas por nossos missionários conforme partilhado durante a Assembleia, a exemplo da Venezuela, Etiópia, República Democrática do Congo e Cabo Delgado em Moçambique. “A nossa oração é por todos aqueles que sofrem por causa da violência, da injustiça, discriminação, pobreza, ou todo o tipo de doenças e deficiências”.

A missa de encerramento da Assembleia, presidida pelo Superior Geral, Padre Stefano Camerlengo, aconteceu neste domingo, 14, na capela da Casa Geral em Roma e foi transmitida pelo canal YouTube. A homilia foi feita por Dom Mário Antônio, Bispo de Roraima que enviou um vídeo-mensagem com a sua reflexão.

Jaime C. Patias

Leia aqui a íntegra da Mensagem Final da Assembleia intercapitular